Pontos e reticências


. ou …?

O . é final, definitivo, preciso, conciso e objetivo.

As … são livres, te deixam levar, apenas indicam um caminho oculto ou incerto…

O . não deixa margem de interpretação, vai direto a si mesmo.

… podem querer dizer tantas coisas… aqueles sentimentos guardados em segredo… aquela indiferença velada… aquela espera de um algo mais… aquela sacanagem embutida nas palavras que foram pensadas mas não foram escritas…

O . não permite acontecer o que vai além do que se escreve. É aquilo e .

Por outro lado, com as … tudo pode acontecer, mas muitas vezes não acontece é nada… apenas ficam no ar… nos pensamentos… nas ideias… nas emoções… nos sentimentos…

Um “eu quero.” já diz por si só. Quer e ponto. Sem mais delongas.

Já um “eu quero…” não diz a que veio, apenas dá a entender… o que se quer… quem se quer… quando se quer… porque se quer…

Um . bem usado pode gerar um contra . e depois outros .s e outros e outros, e quando se vê, lá já estão mais uma vez as … sempre elas… a junção de pontos duros e inflexíveis mas sem coragem ou necessidade de serem verbalizadas… E ponto.

E você, é . ou …?

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s